Hemeroteca Digital Brasileira

 

A Hemeroteca Digital Brasileira é um portal de periódicos nacionais que proporciona ampla consulta, pela internet, ao seu acervo de periódicos – jornais, revistas, anuários, boletins etc. – e de publicações seriadas, da Fundação Biblioteca Nacional, para acesso livre de pesquisadores de qualquer parte do mundo.

Os títulos disponíveis incluem desde os primeiros jornais criados no país – como o Correio Braziliense e a Gazeta do Rio de Janeiro, ambos fundados em 1808 – a jornais extintos no século XX, como o Diário Carioca e Correio da Manhã, ou que não circulam mais na forma impressa, caso do Jornal do Brasil.

A Hemeroteca Digital Brasileira está disponível para consulta gratuita no endereço http://hemerotecadigital.bn.br/.

Indicações de leitura

A invenção de Hugo Cabret
Autor: Brian Selznich
Editora: Edições SM
ISBN 978-85-7675-203-5

” A história que estou prestes a contar se passa em 1931, sob os telhados de Paris. Aqui, você conhecerá um menino chamado Hugo Cabret que, certa vez, muito tempo atrás, descobriu um misterioso desenho que mudou sua vida para sempre.

Mas antes de virar a página, quero que você se imagine sentado no escuro, como no início de um filme. Na tela, o sol logo vai nascer, e você será levado em zoom até uma estação de trem no meio da cidade. Atravessará correndo
as portas de um saguão lotado. Vai avistar um menino no meio da multidão e ele começará a se mover pela estação. Siga-o, porque este é Hugo Cabret. Está cheio de segredos na cabeça, esperando que sua história comece.”

Professor H. Alcofrisbas 

A dança dos dragões
Autor: George R. R. Martin
Editora: Leya
As crônicas de Gelo e Fogo – v.5
ISBN 978-85-8044-481-0

O futuro dos Sete Reinos ainda é incerto – novas ameaças e novos inimigos surgem a cada momento.

Além do Mar Estreito, Daenerys Targaryen, a última herdeira da Casa Targaryen, governa uma cidade construída sobre o pó e a morte. Mas seus inimigos são cada vez mais numerosos e farão de tudo para destruí-la. Enquanto isso, dois jovens embarcam em missões distintas, mas que podem mudar o destino da Mãe dos Dragões.

No Norte, Jon Snow – 998º Senhor Comandante da Patrulha da Noite – fará de tudo para garantir a segurança da Muralha. Para isso, não hesitará em transformar amigos em inimigos e vice-versa.

Traições, revelações e um fantasma do passado que volta para assombrar quando menos se espera – em todos os cantos de Westeros e de Essos, mercadores, fora da lei, mestres, reis, nobres, escravos, soldados e troca-peles estão prestes a encarar fatos inesperados. Alguns fracassarão, outros se aproveitarão das forças sombrias que crescem cada vez mais. Mas, neste momento de inquietude crescente, as marés da política e do destino levarão inevitavelmente à maior dança de todas.

Os segredos dos Códigos de Leonardo da Vinci: do Código Atlântico ao Código de Võo.
Editora: Museu da Casa Brasileira : São Paulo. Secretaria de Cultura :  Instituto de Comércio Exterior (ICE) : Ministério do Comércio Internacional da Itália

Pela primeira vez na América do Sul, esta mostra desenhada e produzida pelo centro de estudos e pesquisas Leonardo3 (www.leonardo3.net), de Milão torna acessível ao público todos os segredos dos mais importantes códigos de Leonardo da Vinci, o Código Atlântico (dedicado particularmente a estudos e projetos de máquinas) e o Código do Vôo (dedicado ao estudo do vôo). Utilizando tecnologias e metodologias de vanguarda a nível mundial, os manuscritos originais foram transformados em livros interativos nos quais seus respectivos desenhos “ganham vida” graças a modelos tridimensionais.    

Quantidade é qualidade
Organizadores: Fernando José de Almeida, Vera Lucia Cabral Costa
Editora: Escola de Formação de Professores do Estado de São Paulo “Paulo Renato Costa Souza” : Fundação Padre Anchieta
ISBN 978-85-802-8064-7

Como estrutura e implementar um curso para receber 10.000 novos professores concursados, utilizando educação a distância e presencial, com o objetivo de complementar a formação profissional em disciplinas específicas e na área pedagógica, preparando-os para o ingresso na rede pública estadual. 


Química Hoje

Autor: Alicia Ivanissevich, Angelo da Cunha Pinto
Editora: Instituto Ciência Hoje
ISBN 978-85-89962-11-7

O Instituto Ciência Hoje (ICH) é uma Sociedade Civil sem fins lucrativos responsável pelas publicações de divulgação científica da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), entidade que reúne pesquisadores, professores, estudantes e o público em geral interessado em ciência. Entre os veículos de divulgação científica do ICH, destaca-se a revista Ciência Hoje, criada em 1982 com o objetivo de estabelecer um canal de comunicação entre a comunidade científica e a sociedade. Os 20 artigos reunidos neste livro foram originalmente publicados nas edições de 2011 da revista Ciência Hoje para comemorar o Ano Internacional da Química.   

A química do amor – 1
Autores: Ivana Correa Ramos Lea, José Celestino Barros, Leandro Soter de Mariz Miranda
Editora: Sociedade Brasileira de Química  Coleção Química no cotidiano
ISBN 978-85-64099-01-1

A química do amor vem celebrar o Ano internacional da Química, em 2011, apresentando um tema bastante interessante. A química do amor vem celebrar o Ano Internacional da Química, em 2011, apresentando um tema bastante interessante relacionado ao papel das moléculas de hormônios, feromônios e perfumes na natureza e no nosso cotidiano. Podemos entender essas moléculas como as responsáveis pela comunicação da natureza: é como se fossem a internet, o facebook e o twitter da Química. A todo instante, são fornecidas informações ao ambiente sem que precisemos pensar a respeito, o que faz com que os animais, as plantas e os seres humanos possam viver em harmonia.

A química e energia – 2 : transformando moléculas em desenvolvimento
Autores: Claudio J. A. Mota, Nilton Rosenbach Jr., Bianca Peres Pinto
Editora: Sociedade Brasileira de Química  Coleção Química no cotidiano
ISBN 978-85-64099-02-9

A química possui muitas face, e contribui enormemente para o progresso e o bem estar da população. Nesta obra, iremos mostrar como a química está ligada à energia que utilizamos para ouvir uma música em um aparelho de mp3, par anos deslocarmos num veículo movido a gasolina ou a álcool e para obtermos eletricidade, que faz funcionar diversos aparelhos da nossa residência. A energia tem um papel preponderante para o homem. Sem ela, não existiríamos e nem tampouco construiríamos nossas sociedades.   

A química e o controle de dopagem no esporte – 3
Autores: Henrique Marcelo G. Pereira, Monica C. Padilha, Francisco Radler de Aquino Neto
Editora: Sociedade Brasileira de Química
Coleção Química no cotidiano
ISBN 978-85-64099-03-6

Na luta por um esporte livre de substâncias dopantes e em prol da proteção da saúde dos esportistas e da juventude, as análises  antidopagem demonstraram, ao longo dos anos, a sua eficácia na deteção destas substâncias nas amostras dos atletas e pelo seu efeito dissuasivo.  Os autores, membros do Laboratório Antidoping do Rio de Janeiro (LAB DOP) situado no Instituto de Química (IQ) da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), fazem nesta obra uma minuciosa revisão dos efeitos farmacológicos dos agentes dopantes passados, presentes e futuros e de como realizar a sua deteção seguindo os maiores critérios de qualidade
internacionais. 

A química dos alimentos: produtos fermentados e corantes – 4
Autores: Augusto Aragão de Barros, Elisabete Barbosa de Paula Barros
Editora: Sociedade Brasileira de Química  Coleção Química no cotidiano
ISBN 978-85-64099-04-3

A química que está presente nos alimentos é um tema de eterna curiosidade. Envolve aspectos do prezar, como bem diz o ditado “comemos com os olhos”, exacerbado com cores apetitosas, ou mesmo através de bebidas apreciadas ao longo da história da humanidade, como o vinho. Mas a química dos alimentos também alerta quanto aos problemas relacionados com contaminações alimentos ou mesmo incompatibilidade por alguns alimentos. Este livro, lúdico e por vezes divertido, atualiza o leitor em diversas questões importantes sobre a química dos alimentos.

A química no cuidado da pele – 5
Autores: Lucas Rossi Sartori, Norberto Peporine Lopes, Thais Guaratini
Editora: Sociedade Brasileira de Química
Coleção Química no cotidiano
ISBN 978-85-64099-05-0

Em A química no cuidado da pele, os autores propõem uma reflexão dos erros cometidos no passado, por exemplo, no caso do chumbo, e de como a Química pode ajudar a solucioná-los através de uma abordagem moderna. O material é instigante e foi escrito numa linguagem científica “suave”, o que permite acesso a leitores variados. Contextualizar a química e, ao mesmo tempo, mostrar a sua evolução e importância no cuidado com o corpo não é uma tarefa fácil, principalmente pelo caráter negativo que alguns meios de divulgação insistem em priorizar.  

Química na saúde – 6
Autores: Lídia Moreira Lima, Carlos Alberto Manssour Fraga, Eliezer J. Barreiro
Editora: Sociedade Brasileira de Química  Coleção Química no cotidiano
ISBN 978-85-64099-07-4

Química e saúde é de fácil compreensão e leitura agradável. Escrito em linguagem simples, direta e didática, será útil para estudantes e professores do Ensino Médio, por levar para a sala de aula um livro que trata a ciência de uma maneira muito atraente para os leitores. Com estrutura sequencial lógica, o livro aborda o tema saúde através da química, desde a fecundação do óvulo pelo espermatozoide aos fármacos de última geração usados no tratamento de doenças e, em muito, responsáveis pelo aumento da longevidade de homens e mulheres.   

A química na natureza – 7
Autores: Flavio da Silva Emery, Gabriela Bianchi dos Santos, Rita de Cassia Bianchi
Editora: Sociedade Brasileira de Química
Coleção Química no cotidiano
ISBN 978-85-64099-06-7

A química na natureza permite desvendar a beleza da biodiversidade e o que ela pode fornecer de produtos úteis para a sociedade é uma tarefa muito agradável. o livro possibilita o contato com os vários aspectos dos produtos naturais e sua importância para a humanidade, ao longo dos tempos.
  

Radioatividade e meio ambiente – 8: os átomos instáveis da natureza
Autores: Kátia Aparecida da Silva Aquino, Fabiana da Silva Aquino
Editora: Sociedade Brasileira de Química
Coleção Química no cotidiano
ISBN 978-85-64099-10-4

A radioatividade no meio ambiente, os radionuclídeos na química do nosso organismo, os núcleos criados pelo homem, são temas aqui selecionados que certamente irão atrair a atenção do leitor . Os quarks e a nova fauna de partículas elementares, outro assunto atraente, mas ainda pouco presente, até ausente, das páginas dos livros didáticos.

A química perto de você: experimentos de baixo custo para a sala de aula do ensino fundamental e médio
Editora: Sociedade Brasileira de Química
ISBN 978-85-64099-00-5

Este livro traz um série de experimentos de baixo custo e fácil execução, os quais, em sua maioria, podem ser preparados com materiais encontrados no ambiente doméstico. Essas características favorecem o uso destes experimentos como instrumentos pedagógicos para professores que buscam reformular sua prática docente.

A química perto de você: experimentos de química orgânica
Autores: Angelo C. Pinto, Bárbara Vasconcellos da Silva
Editora: Sociedade Brasileira de Química
ISBN 978-85-64099-09-8

Experimentos de química orgânica contempla uma série de experimentos que podem ser reproduzidos nas aulas de laboratório de química orgânica. São experimentos relativamente simples e que empregam matérias-primas de baixo custo. Com uma linguagem simples, os autores fazem um breve histórico de um conjunto de aparelhagens de laboratório, levando os estudantes a trilharem os mesmos caminhos de cientistas renomados, e a se conscientizarem de suas responsabilidades com o meio ambiente.

A história das letras

Texto Luiz Romero
Design Rafael Quick

Muitos tipos de fontes surgiram com a criação da prensa, por Johannes Gutemberg, no século 15. Depois das letras góticas, que reproduziam a rigidez da Idade Média, vêm as humanistas, reflexo do Renascimento. A mudança é o resultado da movimentação dos criadores de fontes da Alemanha para a Itália, nos séculos 15 e 16. Textos com letras desse estilo ajudaram a divulgar o trabalho dos humanistas. No século 19, com a Revolução Industrial, aumenta o número de impressos e consequentemente exite mais publicidade, assim as letras passam a lembrar figuras e inovam nas cores, formas e tamanhos para chamar a atenção. No século 20, as fontes que antes eram prensadas no papel passam a ser projetadas para a tela.

Leia o artigo completo na Revista Superinteressante.

Fonte: ROMERO, Luiz. A história das Letras.  Superinteressante. São Paulo. ed. 307, n. 8, p. 76-79, ago. 2012.

Revista digital Emília

Leitura e literatura para crianças e jovens

Emília é uma iniciativa de um grupo ligado à área editorial, comprometido com a promoção da leitura e com a literatura para crianças e jovens. Dirigida a um público amplo, a revista dialoga com todos que se interessam pela formação de leitores,  mediadores, e com quem torna possível a criação, produção e divulgação dos livros para crianças. 

Visite o site http://www.revistaemilia.com.br