Indicações de leitura

The secret life of the grown-up brain: the surprising talents of the middle-aged mind
Autora: Barbara Strauch
Editora: Penguins Books
ISBN 978-0-670-02071-3

For many years, scientists thought that the human brain simply decayed over time and its dying cells led to memory slips, fuzzy logic, negative thinking, and even depression. But new research from neuroscientists and psychologists suggests that, in fact, the brain reorganizes, improves in important functions, and even helps us adopt a more optimistic -outlook in middle age. We recognize patterns faster, make better judgments, and find unique solutions to problems. By detailing how a normal, healthy brain functions over times, science writer Barbara Strauch also explains how its optimal processes can be maintained.
Part scientific survey, part how-to guide, The secreted life of the grown-up brain, offers, a fascinating and comforting glimpase at how are getting better as we get older!

 

Geração Y: o nascimento de uma nova versão de líderes
Autor: Sidnei Oliveira
Editora: Integrare
ISBN 978-85-99362-51-8

A obra apresenta a chave para compreender e interagir com a geração Y, que possui como características marcantes a quebra dos paradigmas e das premissas estabelecidas, a busca da satisfação imediata e o acesso instantâneo e irrestrito a todo tipo de informação.

 

O que o Brasil quer ser quando crescer? E outros artigos sobre educação e desenvolvimento
Autor: Gustavo Ioschpe
Editora: Paralela
ISBN 978-85-65530-1-7

“Você sabe qual é o plano estratégico do Brasil? quais são as nossas metas, aonde queremos chegar? Que tipo de país queremos ser no futuro?”

Partindo de questões tão fundamentais quanto imperiosas, os artigos reunidos em “O que o Brasil quer ser quando crescer?” estabelecem um novo paradigma para a discussão sobre educação e desenvolvimento. Deixando de lado as discussões filosóficas e ideológicas que ainda dominam o debate nacional, Gustavo Ioschpe traça um vasto panorama sobre o sistema educacional brasileiro, sempre embasado no conhecimento formal e na literatura empírica sobre o tema.  Em artigos curtos e instigantes, “O que o Brasil Quer Ser Quando Crescer?” desmistifica uma série de “verdades”, como por que aumentar o salário dos professores ou o volume de investimento em educação não levará a uma melhora da qualidade do ensino no país. No lugar de ideias gastas, o leitor encontrará aqui discussões e soluções factíveis, amparadas na rigorosa pesquisa da área.

 

Nascidos na era digital.
Entendendo a primeira geração dos nativos digitais
Autores: John Palfrey, Urs Gasser
Editora: Artmed
ISBN 978-85-363-2483-8

A primeira geração dos nativos digitais – crianças que nasceram no mundo digital – agora são jovens adultos, e logo mundo será reestruturado de acordo com sua imagem.

Em Nascidos na era digital, os especialistas John Palfrey e Urs Gasser oferecem-nos um retrato sociológico destes jovens adultos, que parecem ser, até mesmo para a velha geração, extraordinariamente sofisticados e estranhamente limitados.

 

Brasília
Autor: Marcel Gautherot
Editora: Instituto Moreira Salles
ISBN 978-85-86707-51-3

Brasília reúne 153 imagens feitas pelo fotógrafo franco-brasileiro Marcel Gautherot entre os anos de 1958 e meados da década de 1960.  A publicação traz também um ensaio do arquiteto inglês Kenneth Frampton, professor da Columbia University, e um ensaio introdutório de Sergio Burgi, coordenador de fotografia do Instituto Moreira Salles.

 

Sertões adentro: viagens nas caatingas.
Séculos XVI a XIX
Organização: Lorelai Brilhante Kury
Editora: Andrea Jakobsson Estúdio
ISBN 978-85-88742-54-3

“É dos sertões e do conhecimento científico produzido sobre eles que trata este livro, Sertões adentro, organizado por Lorelai Kury. Temporalmente compreendido entre os séculos XVI e XIX e privilegiando os difusos limites sertanejos, nós, os seus leitores, somos apresentados a personagens que, de diferentes maneiras e referenciais, exerceram atividades que gradualmente puderam ser identificadas como atividades científicas sertões adentro. O esforço de pesquisa realizado pelos autores torna possível a associação entre textos bem elaborados e ilustrações riquíssimas sobre, e de, uma vasta produção temporal e espacialmente ampla.”

José Carlos Barreto de Santana