Indicações de leitura

01 - felicidadeFelicidade construída: como encontrar prazer e propósito no dia a dia
Autor: Paul Dolan
Editora: M. Books Brasil
ISBN 9788576800170

Em felicidade construída, o professor da London School of Economics Paul Dolan, ph.D., combina as mais recentes pesquisas da ciência comportamental com suas experiências pessoais e desenvolve um novo conceito sobre felicidade. Ao contrário das teorias que sugerem uma mudança em nossa maneira de pensar, Felicidade construída se baseia na experiência do autor como economista e foca em como agimos no dia a dia. Vivemos numa época em que, a cada minuto, incontáveis estímulos disputam por nossa atenção. No entanto, é preciso saber focar no que de fato nos faz felizes. Os mesmos estímulos – dinheiro, casamento, sexo, peso, o tamanho de nossa casa – podem afetar muito ou pouco nossa felicidade: o que importa é a atenção que você presta a cada um deles.

……………………………………………………………………………………………………….

02 - markeqtingMarketing na era digital: conceitos, plataformas e estratégias
Autora: Martha Gabriel
Editora: Novatec
ISBN 9788575222577

Este livro aborda a importância estratégica do marketing em um contexto que engloba o digital e a plataforma participativa da Web 2.0 como elementos a serem considerados em ações de sucesso.
De forma inovadora, este livro integra informações digitais online. Por meio do uso de um dispositivo móvel conectado à internet (celular, smartfones, PDAs), o leitor tem acesso a cases, exemplos e vídeos digitais online disponíveis a qualquer instante nos QRcodes presentes ao longo dos capítulos. Outra funcionalidade digital é a realidade aumentada apresentada na capa, que dá acesso ao vídeo de apresentação do livro gravado pela autora. Para visualizá-lo, basta acessar e apontar a imagem da capa deste livro para a webcam do computador

……………………………………………………………………………………………………….

03 - JeitodeserO jeito Harvard de ser feliz: o curso mais concorrido da melhor universidade do mundo
Autor: Shawn Achor
Editora: saraiva
ISBN 9788502180260

A sabedoria popular diz que se nos empenharmos teremos sucesso, e se tivermos sucesso, então poderemos ser felizes. Se pudéssemos encontrar aquele emprego dos sonhos, ter mais uma promoção, perder aqueles três quilos, a felicidade viria. Mas descobertas recentes no campo da psicologia positiva têm demonstrado que essa fórmula funciona na verdade de maneira inversa: é a felicidade que impulsiona o sucesso, e não o contrário. Quando somos positivos, o nosso cérebro se envolve mais, torna-se mais criativo, motivado, energizado, resiliente e produtivo no trabalho. Este não é um simples mantra vazio. A descoberta foi repetidamente comprovada por rigorosas pesquisas nos campos da psicologia e da neurociência, estudos de gestão e resultados financeiros de organizações ao redor do mundo.

……………………………………………………………………………………………………….

04 - voceVocê, Eu e os Robôs: pequeno manual do mundo digital
Autora: Martha Gabriel
Editora: Atlas
ISBN 9788597014372

“Quais os impactos da Revolução Digital na humanidade? Que transformações ela nos traz? Como lidar com essas transformações, seus desafios e oportunidades?
Esses questionamentos, que antes constituíam apenas campos específicos, como educação, marketing, negócios, etc., passaram a fazer parte de todas as áreas e da vida cotidiana. A primeira parte do livro, que trata dos seres humanos (você e eu), é uma nova versão ampliada e atualizada de vários capítulos do livro Educ@r, com o objetivo de atender a qualquer tipo de público. As duas outras partes (robôs e humanos + robôs) levam a discussão para outro patamar, adicionando as questões da tecnologia que nos cerca e a fusão entre humanos e tecnologias, que tanto nos encanta e, ao mesmo tempo, nos assusta.“

……………………………………………………………………………………………………….

15 - livrsodosabracosO livro dos abraços
Autor: Eduardo Galeano
Editora: L&PM Pocket
ISBN 9788525414885

Tratar a memória, sua memória pessoal e a nossa memória coletiva, da América, como coisa viva, bicho inquieto; essa sempre foi a especialidade de Eduardo Galeano (1940-2015). O autor mostra que a história pode e deve ser contada a partir de pequenos momentos, aqueles que sacodem a alma da gente sem a grandiloquência dos heroísmos de gelo, mas com a grandeza da vida. Em suas andanças incessantes o caçador de histórias, Galeno, observou tudo. O que de melhor ele transformou em livros como este, onde lembra como são grandes os pequenos momentos e como eles vão se abraçando, traçando a vida.

……………………………………………………………………………………………………….

09 - chaodapalavraO chão da palavra: cinema e literatura no Brasil
Autor: José Carlos Avellar
Editora: Rocco
ISBN 9788532521804

“ Ler e pensar sobre cinema pode ser tão agradável quanto ver um filme” – com essa frase em mente, o professor e pesquisador de cinema, crítico com colaborações em jornais e revistas especializadas e ex-presidente da RioFilme, José Carlos Avellar deu luz a este elaborado e brilhante ensaio sobre as influências recíprocas entre o cinema e a literatura. Aprofundando-se nesta tese, o autor mergulha na parceria entre filme e texto em títulos brasileiros como Vidas secas, Dona Flor e seus dois maridos, Memórias do cárcere, entre outros. Um precioso estudo que comprova que a literatura inventou o cinema apenas para que ele pudesse reinventá-la – uma parceria rica e inspiradora de ambas as partes.

……………………………………………………………………………………………………….

05 - cinemaCinema de Invenção
Autor: Jairo Ferreira
Editora: Azougue Editorial
ISBN 9788579202087

Cinema de Invenção foi publicado originalmente em 1986 e traz o inventário definitivo do também chamado Cinema Marginal, Experimental ou Udigrudi. Temos aqui a visão crítica (ou melhor, metacrítica) realizada por Jairo Ferreira, cineasta, jornalista e uma das figuras centrais do movimento, no qual atuou nas mais diversas funções, de roteirista a ator, de fotógrafo still a seletor de trilha sonora, dirigindo também seus próprios filmes. Jairo foi amigo pessoal de todos os diretores relacionados ao movimento e também colaborador de muitos deles, estando extremamente próximo aos principais eventos ocorridos no cinema brasileiro entre os anos de 1967-1971.

……………………………………………………………………………………………………….

06 - escrevercomaacamaraEscrever com a câmera: a literatura cinematográfica de Jean-Luc Godard
Autor: Mário Alves Coutinho
Editora: Crisálida
ISBN 9788587961549

Neste livro, o autor põe em relevo as potencialidades de Godard como um realizador que, através e com os recursos do cinema, soube escrever com a câmera sem deixar de ser cinematográfico.

Literatura, cinema e televisão
Autora: Tânia Pellegrini [et al]
Editora: Senac
ISBN 8573593024

O cinema, arte e indústria que dominou o imaginário dos povos na primeira metade do século XX, e a televisão, meio de comunicação triunfante na segunda metade, devem muito à literatura pelo que está lhes tem fornecido em matéria de enredos e recursos para as histórias que exibem. Por seu lado, a literatura do século XX, diante das novas técnicas audiovisuais, transformou-se inspirada por elas, fez-se diversa em alguns aspectos daquela que criou a grande ficção do século anterior.
Esta é uma coletânea de ensaios especialmente escritos para focalizar a relação entre literatura, cinema e televisão, examinando, à maneira de introdução didática, mas sem perder a densidade, o complexo intercâmbio das técnicas narrativas que elas mobilizam.

……………………………………………………………………………………………………….

08 - criacaoCriação de curta-metragem em vídeo digital: uma proposta para produções de baixo custo
Autor: Alex Moletta
Editora: Summus
ISBN 9788532305305

A obra apresenta uma proposta de trabalho para a criação, organização e realização de curtas-metragens em vídeo digital para produções de baixíssimo custo, possibilitando que uma pessoa interessada em fazer cinema crie e produza seus vídeos com estética cinematográfica

 

……………………………………………………………………………………………………….

14 - hibiscoHibisco roxo
Autora: Chimamanda Ngozi Adiche
Editora: Companhia das Letras
ISBN 9788535918502

Protagonista e narradora de Hibisco roxo, a adolescente Kambili mostra como a religiosidade extremamente “branca” e católica de seu pai, Eugene, famoso industrial nigeriano, inferniza e destrói lentamente a vida de toda a família. O pavor de Eugene às tradições primitivas do povo nigeriano é tamanho que ele chega a rejeitar o pai, contador de histórias encantador, e a irmã, professora universitária esclarecida, temendo o inferno. Durante uma temporada na casa de sua tia, Kambili acaba se apaixonando por um padre que é obrigado a deixar a Nigéria, por falta de segurança e de perspectiva de futuro. Enquanto narra as aventuras e desventuras de Kambili e de sua família, o romance também apresenta um retrato contundente e original da Nigéria atual.

……………………………………………………………………………………………………….

10 - comolerlivrosComo ler livros: o guia clássico para a leitura inteligente
Autor: Mortimer J. Adler e Charles Van Doren
Editora: É realizações
ISBN 9788588062894

O livro se propõe a abordar os vários níveis de leitura e mostrar como atingi-los – da leitura elementar à leitura rápida, passando pelo folheio sistemático e pela leitura inspecional. Visa mostrar como classificar um livro, radiografar, isolar a mensagem do autor e criticar. Estudam-se as diferentes técnicas para ler livros práticos, literatura imaginativa, peças teatrais, poesia, história, ciências e matemática, filosofia e ciências sociais. Os autores oferecem uma lista de leituras recomendadas, bem como testes de leitura para que o leitor possa medir seu progresso em compreensão, velocidade e capacidade de leitura.

……………………………………………………………………………………………………….

12 - DebretDebret e o Brasil: obra completa 1816 – 1831
Autor: Julío Bandeira e Pedro Corrêa Carvalho
Editora: Capivara
ISBN 9788589063654

Esta é a edição revista e ampliada do mais bem-sucedido livro de arte brasileira do século XIX. Trata-se do primeiro catálogo raisonné da monumental obra realizada no país pelo francês Jean-Baptiste Debret, o mais famoso artista estrangeiro a pintar o Brasil. Com 720 páginas e mais de 1.300 imagens, este volume ilustra a totalidade dos trabalhos do artista, fruto de uma longa pesquisa.

……………………………………………………………………………………………………….

11 - captalismoCapitalism without capital: the rise of the intangible economy
Autor: Jonathan Haskel e Stian Westlake
Editora: Princeton University Press
ISBN 9780691175034

Early in the twenty-first century, a quiet revolution occurred. For the first time, the major developed economies began to invest more in intangible assets, like design, branding, R&D, and software, than in tangible assets, like machinery, buildings, and computers. For all sorts of businesses, from tech firms and pharma companies to coffee shops and gyms, the ability to deploy assets that one can neither see nor touch is increasingly the main source of long-term success.
Haskel and Westlake bring together a decade of research on how to measure intangible investment and its impact on national accounts, showing the amount different countries invest in intangibles, how this has changed over time, and the latest thinking on how to assess this.

Histórias de astronauta

astronautasPor Nadia Drake
Fotos de Martin Schoeller

Viajantes do espaço descrevem uma experiência mágica: ver a Terra do céu.
O homem foi ao espaço há menos de 60 anos. E, ainda hoje, poucos seres humanos tiveram a oportunidade de contemplar, de longe, a beleza da nossa casa, o planeta Terra. Para a maioria de nós este planeta é o espaço que marca o horizonte da nossa existência, limitados pela força da gravidade e características biológicas, desde de 1961 somente 556 foram ao espaço. Entre elas, 533 circularam o nosso planeta, 24 percorreram órbitas e uma dúzia chegou a caminhar na Lua.

Leia o artigo completo na Revista National Geographic de março/ 2018.

Fonte: DRAKE, Nadia e SCHOELLER, Martin. Além da esfera azulada. National Geographic, São Paulo, v. 18, n. 216, p. 26-32, mar 2018.