Indicações de leitura

01- jorneyNobel Journeys: the inspiring stories of 10 Nobel Prize Laureates and the life-changing events that set them on their pathways to sucess
Autor: Nobel Museum
Editora: EF Education First

Nobel Journey is a story collection that chronicles the extraordinary lives os Nobel Prize Laureates from the past and presente, from all over the world, and from every Nobel Prize category. All 10 stories focus on importante moments of Discovery in the Laureates’ lives that helped them choose their unique pathways to success. And every tale reinforces the notion that education is na essential ingrediente to a bright future.

We even tell the story of Alfred Nobel himself, and how this Swedish inventor of dynamite came to establish one of the first international prizes dedicated to the advancement of science, literature, and peace.

Nobel Journeys is the first of many joint initiatives from the Nobel Museum and EF Education First, two global organizations dedicated to bringing learning to life for students. We partner with educators worldwide to ignite their students’ creativity, curiosity and condence. We aim to build exciting new pathways for Young learners that prove amazing things can happen when they take risks, pursue bold goals, and dare to think differently.

 

02 - satnaOs cortiços de Santa Ifigênia: sanitarismo e urbanização (1893)
Org.: Simone Lucena Cordeiro
Editora: IMESP
ISBN: 9788570608284

Grandes foram as transformações vividas pela cidade de São Paulo na virada do século XIX para o XX. No período, a sociedade paulistana vivenciava uma busca pela racionalização do trabalho e uma expressiva evolução populacional, certamente, com reflexos habitacionais que preocupavam os que estavam relacionada com a modernização da cidade.

Nesse contexto é que se colocam iniciativas do poder público como instituição de uma Commissão de exame e inspecção das habitações operarias e cortiços no districto de Sta. Ephigenia, cujo relatório, produzido em 1893, é aqui apresentado e analisado.

 

03 - imigracaoHistórias da (I)migração: imigrantes e Migrantes em São Paulo entre o final do século XIX e o início do século XXI
Autor: Odair da Cruz Paiva
Editora: Arquivo Público do Estado de São Paulo
ISBN: 9788563443069

Histórias da (I)migração nos propõe o exercício do olhar para as questões migratórias do presente, aquelas refletidas em nossa paisagem urbana e em nosso cotidiano, como um processo histórico que vem se desenrolando há séculos, especialmente na cidade de São Paulo. Para tanto, temos como proposta levar os leitores a uma viagem que parte das migrações contemporâneas e perpassa por questões sobre a imigração desde o século XIX em São Paulo e suas relações com a cidade.

Consequentemente, esses apontamentos propiciam a reflexão dos conceitos que cercam o fenômeno dos deslocamentos populacionais ao longo dos tempos, bem como a percepção das rupturas e permanências históricas.

 

04 - ilhaA ilha de Bowen
Autor: César Mallorquí
Editora: Biruta
ISBN: 9788578481407

Tudo começou com o assassinato do marinheiro Jeremiah Perkins, em um pequeno porto norueguês, e com um pequeno pacote, que ele enviou para Lady Elisabeth Faraday. Mas talvez a história tenha começado quando estranhas relíquias foram descobertas em uma antiga cripta medieval. Foi por causa disso que o mal humorado professor Ulisses Zarco resolveu embarcar em uma aventura a bordo do Saint Michel, enfrentando inúmeros perigos e o terrível mistério que envolvia a Ilha de Bowen.

 

05- psicinaPiscina já!
Autor: Luiz Antonio Aguiar
Editora: Biruta
ISBN: 9788578481445

Era um Brasil bem diferente.
Um país debaixo de Ditadura.
Tem gente que não conheceu esses tempos e nem imagina como foi. Era dureza, chumbo grosso. O Brasil estava um breu na época. E mesmo assim a garotada do Condomínio da Colina partiu para a briga contra a repressão.
E foi uma aventura dessas que quem viveu nunca esquece!
Como foi? No que deu?…
Está contado aqui… em Piscina Já!
Uma viagem para um tempo em que gente como a gente lutou – de várias maneiras – pela liberdade!

 

06 - lagrimasA marca de uma lágrima
Autor: Pedro Bandeira
Editora: Moderna
ISBN: 9788516066185

Isabel se acha feia. Será mesmo? Ou somente ela acha isso? Escreve cartas e versos para ajudar o namoro de Rosana, sua melhor amiga, com Cristiano, seu grande amor. Por causa da beleza e da verdade de suas cartas, Cristiano mais se apaixona por Rosana e mais aumenta a desesperança de Isabel. Sua situação agrava-se ainda mais com a morte da diretora da escola, pois a jovem é testemunha de que aquele aparente suicídio seria na verdade um bárbaro assassinato.

 

08 - abrolhosAbrolhos: visões de um arquipélago oceânico
Autor: Marco Terranova
Editora: Andrea Jakobsson Estudio
ISBN: 9788588742819

Em 6 de abril de 1983, uma nova história começou a ser traçada nos Abrolhos, com a criação do primeiro parque nacional marinho do Brasil. Nesta edição, todo o acervo coletado pelo fotógrafo Marco Terranova está disponível ao público. Esta obra ilustra com maestria e registra, para a memória das presentes e futuras gerações, um pouco do ambiente dos Abrolhos.

Os novos Europeus

imagem_geografiaca

Fonte: Revista National Geographic Brasil, foto de Robin Hammond.

Por Robert Kunzig.

Mais de um 1 milhão de pessoas chegaram em 2015, muitas fugindo de guerras na Síria, no Afeganistão e no Iraque. Outras centenas de milhares de refugiados vieram neste ano. A nova onda migratória para o continente continua a conturbar a política, testar a tolerância e desafiar as identidades culturais. É longa e complexa a história da imigração na Europa: Argelinos vieram para França quando sua terra era uma colônia francesa, a maior leva chegou durante a guerra pela independência (1954-1962). Desde os anos 1990, cerca de 40 mil somalis fugiram de guerra civil rumo à Suécia. Indianos estão entre os 3 milhões de sul-asiáticos que foram de ex-colônias britânicas para a Grá-Bretanha. O mesmo número de turcos vive na Alemanha. Chegaram como trabalhadores convidados nos anos 1960 e 70 mas ficaram e formaram família.

Fonte: KUNZIG, Robert; HAMM0ND, Robin. Os novos Europeus. National Geographic Brasil, São Paulo, p. 22-299, out. 2016

Indicações de leitura

São Paulo: de vila a metrópole – v.1
Autor: Oscar Pilagallo
Editora: Folha de São Paulo
Coleção Folha fotos antigas do Brasil

Os primeiros registros fotográficos de São Paulo já têm 150 anos — são da década de 1860, quando a vila era capital da província e reunia 30 mil habitantes. Este volume da Coleção Folha apresenta algumas dessas imagens e, a partir daí, registros que mostram como a riqueza gerada, primeiro, pela cafeicultura, e, depois, pela indústria, vai diversificando a paisagem urbana e social ao longo do tempo.

A Coleção Folha apresenta, em 20 livros temáticos, uma seleção de belíssimas imagens registradas desde a chegada da técnica fotográficas ao país, em 1840, até a inauguração de Brasília, em 1960.
Comércio:  do mascate ao mercado – v.2
Autor: Oscar Pilagallo
Editora: Folha de São Paulo
Coleção Folha fotos antigas do Brasil

As primeiras imagens deste volume são do tempo do Império e mostram o comércio informal dos ambulantes. Há também inúmeros registros de feiras e mercados em diversas épocas e cidades do país, até finalmente chegar às fotos de vitrines, cafés e lojas de rua, em meados do século 20. É curioso observar como alguns serviços, como o do amolador ou o do sapateiro, pouco mudaram com o passar dos anos. O mesmo se nota nas feiras, locais de grande concentração de pessoas e de fartura de hortifrutigranjeiros e pescados.
O povo brasileiro: retratos de todos nós – v.3
Autor: Oscar Pilagallo
Editora: Folha de São Paulo
Coleção Folha fotos antigas do Brasil

Neste terceiro volume estão reunidas imagens que registram a diversidade étnica do nosso povo — somos uma gente mestiça e essa é nossa marca distintiva. Os primeiros registros são do final do século 19 e início do século 20, e mostram os “ingredientes” da mestiçagem: indígenas, negros e brancos europeus. Os retratos feitos em estúdio são claramente antropológicos. Nos grupos familiares ou em trabalho ao ar livre, é a hierarquia entre os integrantes que se destaca.
O Brasil rural:  a ocupação do território- v.4
Autor: Oscar Pilagallo
Editora: Folha de São Paulo
Coleção Folha fotos antigas do Brasil

As fotos deste volume documentam o ambiente rural a partir da segunda metade do século 19. Os primeiros registros, de 1870, mostram escravos na extração de ouro e de diamantes. Na virada para o século 20, as fotografias passam a incluir caminhões, tratores e trens. No segundo conjunto de imagens, moradias rurais: casas de sitiantes contrastam com alojamentos para colonos. Desses dois mundos, sítios e fazendas, também foram selecionadas fotos poéticas de momentos do dia a dia: o trajeto para o trabalho, as crianças brincando e o descanso sob uma árvore.

Crenças e templos: devoção e fé – v.5
Autor: Oscar Pilagallo
Editora: Folha de São Paulo
Coleção Folha fotos antigas do Brasil

País predominantemente católico e influenciado por religiões de origem africana, o Brasil é sincretista por excelência. Entre a primeira missa cristã, em 1500, e o último despacho do candomblé, o caldeirão brasileiro de crenças vem produzindo um caldo espiritual único.  A essas fés, tão excludentes quanto complementares, somam-se várias outras.

Crenças e templos reúnem imagens de procissões cristãs e de rituais afro-brasileiros, assim como de cerimônias do judaísmo, religião presente no país desde 1641, quando foi inaugurada a primeira sinagoga. No século 20, as imigrações ampliaram o leque de cultos, como mostram, por exemplo, as fotos de serenos rituais budistas.
Festas populares: uma celebração de sons e movimentos – v.6
Autor: Oscar Pilagallo
Editora: Folha de São Paulo
Coleção Folha fotos antigas do Brasil

Quando o assunto é festa popular no Brasil, logo se pensa em Carnaval. A folia, derivada de uma brincadeira portuguesa de rua chamada entrudo, só ganharia a forma atual com a valorização das escolas de samba a partir de meados do século 20.

Festas populares traz imagens da tradicional festa do bumba meu boi, do carnaval, da congada, do maracatu e cenas diversas retratando a paixão nacional pelo espetáculo do futebol.
Imigrantes: esperança em terra nova – v.7
Autor: Oscar Pilagallo
Editora: Folha de São Paulo
Coleção Folha fotos antigas do Brasil

O Brasil é um país de imigrantes. Os primeiros estrangeiros a chegar, os portugueses, nos legaram a língua e os costumes. Mais tarde, na segunda metade do século 19, outros europeus deixaram seus países de origem com destino ao Brasil: espanhóis, italianos, alemães, a maioria atraída pelo trabalho proporcionado pelo café, que necessitava de trabalhadores para substituir a mão de obra escrava. No século 20, foi a vez de os japoneses desembarcarem aqui.

Imigrantes retrata a chegada e o processo de adaptação de todos esses povos, e ajuda a lembrar que a história dos imigrantes foi uma via de mão dupla: eles vieram para “fazer a América” – e ajudaram a fazer um país.

Guerras e batalhas: o país em luta – v.8
Autor: Oscar Pilagallo
Editora: Folha de São Paulo
Coleção Folha fotos antigas do Brasil
O brasileiro pode ter índole pacífica, mas isso não o impediu de, ao longo de sua história, travar confrontos. O mais importante deles foi a Guerra do Paraguai (1864-1870). Mal instalada a República, em 1889, o país logo assistiria à eclosão de revoltas, entre elas a Campanha de Canudos (1896-1897).

Guerras e batalhas reproduz as imagens desses e de outros conflitos, como a Revolta da Vacina (1904), a Revolta da Chibata (1911) e as revoltas tenentistas dos anos 1920, além de registros da participação do país na Segunda Guerra Mundial (1945-1949).
As cidades: o nascimento dos cartões postais – v.9
Autor: Oscar Pilagallo
Editora: Folha de São Paulo
Coleção Folha fotos antigas do Brasil

As cidades mostra a pluralidade do país também nas vistas de suas cidades. As que mais projetam nossa imagem no exterior são tão diferentes entre si que dão ao visitante a sensação de viajar por um continente de muitas culturas.  O Rio de Janeiro do Cristo Redentor, o monumento arquitetônico barroco de Ouro Preto, a Salvador das 365 mitológicas igrejas – difícil saber qual delas melhor representa o Brasil.
A Indústria: fábricas de chaminés de barro – v.10
Autor: Oscar Pilagallo
Editora: Folha de São Paulo
Coleção Folha fotos antigas do Brasil

A industrialização brasileira é um fenômeno tardio. Depois de iniciativas isoladas no Império, foi só no século 20 que, timidamente, as chaminés começaram a substituir os arados. O processo coincide com a imigração, e não por acaso o ícone dos primórdios da indústria no país tem nome de imigrante: Francesco Matarazzo.  Durante a Primeira Guerra Mundial (1914-1918), a queda no consumo de café liberou mão de obra da lavoura para a indústria, enquanto a dificuldade de importação aumentava a demanda por artigos nacionais. Na Segunda Guerra (1939-1945), a industrialização tomou fôlego. Nesse contexto, é emblemático o registro da visita do presidente Juscelino Kubitschek a uma fábrica de automóveis nos anos 1950, assim como as imagens relacionadas à exploração de petróleo.

Jogos Vorazes – 1
Autor: Suzanne Collins
Editora: Rocco
ISBN 978-85-7980-024-5
Trilogia Jogos Vorazes v.1

Katniss escuta os tiros de canhão enquanto raspa o sangue do garoto do distrito 9.

Na abertura dos Jogos Vorazes, a organização não recolhe os corpos dos combatentes caídos e dá tiros de canhão até o final. Cada tiro, um morto. Onze tiros no primeiro dia. Treze jovens restaram, entre eles, Katniss. Para quem os tiros de canhão serão no dia seguinte?…

Após o fim da América do Norte, uma nova nação chamada Panem surge. Formada por doze distritos, é comandada com mão de ferro pela Capital. Uma das formas com que demonstram seu poder sobre o resto do carente país é com Jogos Vorazes, uma competição anual transmitida ao vivo pela televisão, em que um garoto e uma garota de doze a dezoito anos de cada distrito são selecionados e obrigados a lutar até a morte!

Para evitar que sua irmã seja a mais nova vítima do programa, Katniss se oferece para participar em seu lugar. Vinda do empobrecido distrito 12, ela sabe como sobreviver em um ambiente hostil. Peeta, um garoto que ajudou sua família no passado, também foi selecionado. Caso vença, terá fama e fortuna. Se perder, morre.
Em chamas – 2
Autor: Suzanne Collins
Editora: Rocco
ISBN 978-85-7980-064-1
Trilogia Jogos Vorazes v.2

Depois da improvável e inusitada vitória de Katniss Everdeen e Peeta Mellark nos últimos Jogos Vorazes, algo parece ter mudado para sempre em Panem. Aqui e ali, distúrbios e agitações dão sinais de que uma revolta é iminente. Katniss e Peeta, representantes do paupérrimo Distrito 12, não apenas venceram os Jogos, mas ridicularizaram o governo e conseguiram fazer todos – incluindo o próprio Peeta – acreditarem que são um casal apaixonado.

A confusão na cabeça de Katniss não é menor do que a das ruas. Em meio ao turbilhão, ela pensa cada vez mais em seu melhor amigo, o jovem caçador Gale, mas é obrigada a fingir que o romance com Peeta é real. Já o governo parece especialmente preocupado com a influência que os dois adolescentes vitoriosos – transformados em verdadeiros ídolos nacionais – podem ter na população. Por isso, existem planos especiais para mantê-los sob controle, mesmo que isso signifique forçá-los a lutar novamente.

Esperança – 3
Autor: Suzanne Collins
Editora: Rocco
ISBN 978-85-7980-086-3
Trilogia Jogos Vorazes v.3

Depois de sobreviver duas vezes à crueldade de uma arena projetada para destruí-la, Katniss acreditava que não precisaria mais de lutar. Mas as regras do jogo mudaram: com a chegada dos rebeldes do lendário Distrito 13, enfim é possível organizar uma resistência. Começou a revolução.
A coragem de Katniss nos jogos fez nascer a esperança em um país disposto a fazer de tudo para se livrar da opressão. E agora, contra a própria vontade, ela precisa assumir seu lugar como símbolo da causa rebelde. Ela precisa virar o Tordo.
O sucesso da revolução dependerá de Katniss aceitar ou não essa responsabilidade. Será que vale a pena colocar sua família em risco novamente? Será que as vidas de Peeta e Gale serão os tributos exigidos nessa nova guerra?
Acompanhe Katniss até o fim do thriller, numa jornada ao lado mais obscuro da alma humana, em uma luta contra a opressão e a favor da esperança.