A invenção do teatro

Teatro1Por Sílvia Lisboa

Tudo começou com coros, que percorriam as cidades para homenagear Dionísio, o deus do vinho. Até que um dos integrantes decidiu colocar uma máscara e encarar o próprio deus. Era o início da tragédia, da comédia e da figura do ator.

Havia mais de 80 festivais na Grécia do século 5 a.C. Um deles, o Dionísio Citadina, homenageava um dos personagens mais famosos da mitologia grega, Dionísio, o deus do vinho, com procissões animadas. Eram coros formados por 50 integrantes chamados à época de ditirambos (que significa “hino em uníssono”). Vestidos de sátiros (criaturas metade homem, metade bode), empunhando falos de madeira e bronze e tocando tambores e flautas, eles entoavam cantos ao deus fanfarrão.

Como não podia deixar de ser, as odes a Dionísio eram regadas a vinho, e a coisa ia ficando mais animada à medida que a embriaguez tomava conta do coro. O estímulo etílico à criatividade foi sofisticando as procissões, que passaram a incluir danças, cenas e declamação. Até que um dia, em meados do século 4 a.C., Tépsis de Icárion, que atuava como corifeu, responsável por dirigir o coro e dialogar com a plateia, encarnou Dionísio usando uma máscara. Nascia ali o primeiro ator de teatro de que se tem notícia, em grego, hypokrites, que significa “interprete” – a raiz da palavra hipocrisia em português. Surgia também a tragédia e a comédia, dependendo do tom assumido pela história.

Fonte: LISBOA, Sílvia; NEVES, Caco. A invenção do teatro. Dossiê Super Interessante, São Paulo, p. 58-59, mar. 2017

Indicações de leitura

01 - Pensadores que inventaran o BrasilPensadores que inventaram o Brasil
Autor: Fernando Henrique Cardoso
Editora: Companhia das Letras
ISBN 978-85-359-2287-5

O fio condutor desta seleção que reúne 35 anos de reflexões sobre o Brasil é o vigoroso diálogo mantido por Fernando Henrique Cardoso com nossos principais intérpretes. De Euclides da Cunha a Celso Furtado, de Joaquim Nabuco a Caio Prado Jr., o sociólogo e professor emérito da USP apresenta nestes textos — escritos dos anos 1970 até a atualidade, sendo três inéditos e todos revisitados pelo autor — um olhar original e crítico sobre o país, tendo como guia a leitura desses mestres.

 

02 - DomitilaDomitila
A verdadeira história da marquesa de Santos
Autor: Paulo Rezzutti
Editora: Geração
ISBN 978-85-8130-104-4

O historiador Paulo Rezzutti presenteia o público amante de história e de boas histórias com a biografia de Domitila de Castro (1797 -1867), a incomparável marquesa de Santos, amante do primeiro imperador do Brasil e uma das mulheres mais notáveis e influentes da América Latina, que, segundo o escritor Paulo Setúbal, “encheu um Império com o ruído do seu nome e o escândalo do seu amor”. Com prefácio da historiadora Mary Del Priore.

 

03 - Sobre educacao e juventudeSobre educação e juventude
Conversas com Riccardo Mazzeo
Autor: Zygmunt Bauman
Editora: Jorge Zahar
ISBN 978-85-378-1032-3

Durante muito tempo se atribuiu à educação o papel de principal promotor de ascensão social. Atualmente, na era da modernidade líquida, já não são as universidades que formam os profissionais bem-sucedidos. Os valores do mundo de consumo exigem que as pessoas esqueçam hoje o que aprenderam ontem e aprendam hoje o que devem esquecer amanhã. Sendo assim, qual a tarefa da educação nesse universo que dispensa a aprendizagem e desdenha a acumulação de conhecimento?

Em Sobre educação e juventude o autor traça para os educadores um novo caminho: fomentar a resistência e o espírito crítico. E prescreve: “É pela escola que devemos recomeçar”.
04 - 18891889
Como um imperador cansado, um marechal vaidoso e um professor injustiçado contribuíram para o fim da Monarquia e a Proclamação da República no Brasil
Autor: Laurentino Gomes
Editora: Globo
ISBN 978-85-250-5446-3

Nas últimas semanas de 1889, a tripulação de um navio de guerra brasileiro ancorado no porto de Colombo, capital de Ceilão (atual Siri Lanka), foram pegos surpresa pelas notícias que chegavam do outro lado do mundo.  “Brasil Republica…”, anunciava o telegrama recebido pelo almirante Custódio José de Mello, comandante do cruzador Almirante Barroso. “Bandeira mesma sem coroa…”, acrescentava a mensagem. Despachado do Rio de Janeiro, o telegrama só confirmava os rumores que a tripulação tinha ouvido na escala anterior, na Indonésia. Dizia-se que o governo do Brasil havia sido derrubado. Mais do que isso, o país passara por uma drástica mudança de regime. O Imperador brasileiro, até então tido como a mais estável e duradoura experiência de governo na América Latina, com 67 anos de história, desabara na manhã de quinze de novembro. A Monarquia cedera lugar à República. O austero e admirado imperador Pedro II, um dos homens mais cultos da época, que ocupara o trono por quase meio século, fora obrigado a sair do país. Vivia agora exilado na Europa, banido para sempre do solo em que nascera. Enquanto isso, os destinos do novo regime estavam nas mãos de um marechal já idoso e bastante doente, o alagoano Manoel Deodoro da Fonseca, considerado até então um monarquista convicto e amigo do imperador deposto.

 

05 - HolocaustoHolocausto brasileiro
Autora: Daniela Arbex
Editora: Geração
ISBN 978-85-8130-157-0

Durante décadas, milhares de pacientes foram internados à força, sem diagnóstico de doença mental, num enorme hospício na cidade de Barbacena, em Minas Gerais. Ali foram torturados, violentados e mortos sem que ninguém se importasse com seu destino. Eram apenas epilépticos, alcoólatras, homossexuais, prostitutas, meninas grávidas pelos patrões, mulheres confinadas pelos maridos, moças que haviam perdido a virgindade antes do casamento. Ninguém ouvia seus gritos. Jornalistas famosos, nos anos 60 e 70, fizeram reportagens denunciando os maus tratos. Nenhum deles — como faz agora Daniela Arbex — conseguiu contar a história completa. O que se praticou no Hospício de Barbacena foi um genocídio, com 60 mil mortes. Um holocausto praticado pelo Estado, com a conivência de médicos, funcionários e da população.
06 - Teatro GregoO melhor do teatro grego
Prometeu acorrentado, Édipo Rei, Medeia, As nuvens?
Autores: Ésquilo, Sófocles, Eurípedes, Aristófanes
Editora: Jorge Zahar
ISBN 978-85-378-1074-3

O melhor do teatro grego é ideal pra quem deseja se familiarizar com o teatro clássico. O leitor encontra aqui reunidos os seus autores mais importantes – Ésquilo, Sófocles, Eurípides e Aristófanes -, representados por quatro peças que estão na base da cultura ocidental: as tragédias Prometeu acorrentado, Édipo rei e Medeia e a comédia As nuvens.

Com tradução direta do grego esta obra oferece ainda um vasto material de apoio:

• Textos introdutórios.
• Resumo da ação em cada peça.
• Perfis dos personagens.
• Mais de 190 notas esclarecedores.
• Glossário.

 

07 - Vida de FranciscoA vida de Francisco: o Papa do povo
Autora: Evangelina Himitian
Editora: Objetiva
ISBN 978-85-390-0486-7

A obra narra a vida do homem que hoje ocupa o trono de Pedro. Um menino que nasceu num bairro portenho de gente trabalhadora e que cresceu sob o mandato familiar dos imigrantes: estudar para conquistar a ascensão social. Um jovem que quando decidiu se tornar padre teve de enfrentar o desgosto da mãe, que sonhava com um filho médico; um homem que tomou a decisão de seguir a formação de 14 anos entre os jesuítas enquanto aprendia a superar os obstáculos que se apresentavam. Um homem que forjou seu coração de pastor ao se apaixonar pelo povo, pelos desamparados, e que começou a sonhar com uma Igreja pobre para os pobres, com o Evangelho vivo nas ruas. Assim, percorrendo o caminho dos humildes, Francisco chegou a Roma.
08 - Louco por viverLouco por viver
Autor: Roberto Shinyashiki
Editora: Gente
ISBN 978-85-7312-860-4

Em uma época em que é tão comum se sentir perdido, vemos que a infelicidade e o desânimo se tornaram as coisas mais democráticas do mundo: quase ninguém escapa deles. Tanto para os jovens quanto para quem já tem mais experiência, é comum sentir que a empolgação muitas vezes se perde nos cantos do cotidiano e da rotina. Tem gente que não acredita mais em amor, desejo, prazer de viver a vida.

Roberto Shinyashiki convida o leitor a realizar o impossível: aquele projeto que sempre viveu guardado no coração, o emprego dos sonhos, o relacionamento que faz andar nas nuvens. Entenda como tudo isso está só esperando pelo seu primeiro passo e deixe o autor mostrar como dar esse salto.

 

SimetriaUma história da simetria na matemática
Autor: Ian Stewart
Editora: Jorge Zahar
ISBN 978-85-378-0821-4

O que há em comum entre matemáticos e artistas? Por estranho que pareça, eles buscam expressar a beleza naquilo que fazem. No caso dos artistas, a beleza está na perfeição, e a perfeição envolve equilíbrio e harmonia. Em determinadas circunstâncias, pode-se dar ao equilíbrio o nome de simetria. E é aí que entra a matemática.

A simetria, dizem os matemáticos, é um tipo particular de transformação, uma maneira de mover um objeto na qual ele continua o mesmo. Essa ideia, que pela lógica deveria ter se desenvolvido no campo da geometria, chegou à ciência pela álgebra.
MatematicaOs mistérios dos números: uma viagem pelos grandes enigmas da matemática (que até hoje ninguém foi capaz de resolver)
Autor: Marcus Du Sautoy
Editora: Jorge Zahar
ISBN 978-85-378-1064-4

Como predizer o futuro? Qual a trajetória de um asteroide? Será que vai cair um temporal? Por que o jogador de futebol Roberto Carlos cobrava faltas tão bem? Como prever o crescimento da população?

Marcus de Sautoy, o famoso matemático, revela a beleza dos desafios matemáticos que contribuíram para a compreensão do mundo que nos cerca.

Superilustrado, fácil e divertido, ele ensina ainda a ganhar no pôquer e no Banco Imobiliário, bolar uma senha impossível de ser descoberta, atirar corretamente um bumerangue e até falsificar uma obra do pintor Jackson Pollock. Propõe também enigmas lógicos, oferece vários jogos para baixar na internet e dá ao leitor a oportunidade de ganhar US$ 1 milhão.

 

11 - Getulio 1Getúlio – 1
Dos anos de formação à conquista do poder (1882-1930)
Autor: Lira Neto
Editora:; Companhia das Letras
ISBN 978-85-359-2093-2

“Em uma das páginas de seu Diário, escrito entre 1930 e 1942, Getúlio Vargas anotou: ‘gosto mais de ser interpretado do que de me explicar’. Essa observação parece ser um desafio irônico para quem buscasse entendê-lo, em vida ou ao longo da história. Lira Neto está entre os autores que aceitaram o desafio. Seu livro contribui significativamente para a compreensão do personagem que, para bem ou para mal, foi a maior figura política do Brasil, no século XX. Este primeiro volume da trilogia Getúlio vai do nascimento de Vargas à sua ascensão ao poder, no bojo da revolução de 1930. O estilo jornalístico do autor resulta num texto fluente, que evita, ao mesmo tempo, os recursos fáceis e a banalidade. Com base numa impressionante pesquisa, Lira Neto narra, com brilho e riqueza de detalhes, a história da vida pessoal e da vida pública de Getúlio, dos tempos do Rio Grande do Sul à entrada na cena política da Capital da República.”

Boris Fausto
12 - Getulio 2Getúlio – 2
Do Governo Provisório à ditadura do Estado Novo (1930-1945)
Autor: Lira Neto
Editora: Companhia das Letras
ISBN 978-85-359-2304-9

O livro reconstitui os mandatos de Getúlio no Palácio do Catete como chefe do Governo Provisório (1930-4), presidente constitucional (1934-7) e, por fim, ditador (1937-45), bem como os meandros de sua vida privada. No plano externo, a eclosão da Segunda Guerra Mundial marcou a reaproximação do ditador com as potências aliadas e, internamente, a decadência do regime estadonovista. Pressionado pela diplomacia norte-americana e por ataques alemães a embarcações brasileiras, Vargas envolveu o país no conflito europeu motivado por interesses econômicos. Mas a contradição entre lutar pela democracia na Europa e exercer o poder ditatorial no Brasil acabaria minando sua sustentação nos quartéis.  Amparado pela máquina de propaganda do famigerado Departamento de Imprensa e Propaganda (DIP), o caudilho se tornou um mito popular, status que preservou mesmo após a humilhante deposição em 1945. “Pai dos pobres” ou déspota do populismo, Getúlio e sua primeira passagem pelo Catete ainda hoje inflamam os seguidores e críticos de seu contraditório legado histórico.

 

InfernoInferno
Autor: Dan Brown
Editora: Arqueiro
ISBN 978-85-8041-152-2

No meio da noite, o renomado simbologista Robert Langdon acorda de um pesadelo, num hospital. Desorientado e com um ferimento à bala na cabeça, ele não tem a menor ideia de como foi parar ali. Ao olhar pela janela e reconhecer a silhueta do Palazzo Vecchio, em Florença, Langdon tem um choque. Ele nem se lembra de ter deixado os Estados Unidos. Na verdade, não tem nenhuma recordação das últimas 36 horas. Quando um novo atentado contra a sua vida acontece dentro do hospital, Langdon se vê obrigado a fugir e, para isso, conta apenas com a ajuda da jovem médica Sienna Brooks. De posse de um macabro objeto que Sienna encontrou no paletó de Langdon, os dois têm que seguir uma série inquietante de códigos criada por uma mente brilhante, obcecada tanto pelo fim do mundo quanto por uma das maiores obras-primas literárias de todos os tempos: A Divina Comédia, de Dante Alighieri. Mais uma vez superando as expectativas, Dan Brown nos leva por uma viagem pela cultura, pela arte e pela literatura italianas – passando por lugares como a Galleria degli Uffizi, o Duomo de Florença e a Basílica de São Marcos.
14 - Cade voce BernadetteCadê você Bernadette?
Autora: Maria Semple
Editora: Companhia das Letras
ISBN 978-85-359-12593-6

Bee concluiu seus estudos na Galer Street, uma escola liberal de Seattle, com as melhores notas, e tudo o que ela quer como presente de formatura é uma viagem à Antártida na companhia dos pais.

Elgin é um pai ausente, mas genial: programador da Microsoft, tornou-se um rock star no mundo nerd por ter dado a quarta palestra mais vista no TED, e está prestes a lançar o Samantha 2, o projeto de sua vida. O momento não poderia ser pior para se isolar no extremo sul do planeta.

A mãe, Bernadette, já não aguenta a vida em Seattle e está à beira de um ataque de nervos. Poucos dias antes da viagem, ela desaparece, com medo do convívio social e de sentir enjoo durante a travessia da passagem de Drake.

Agora Bee fará tudo para encontrar a mãe. Mas antes ela terá de descobrir quem é essa mulher que ela acreditava conhecer tão bem.

 

ceuUma prova do céu
A jornada de um neurocirurgião à vida após a morte
Autor: Eben Alexander III
Editora: Sextante
ISBN 978-85-7542-894-8

Cético, defensor da lógica científica e neurocirurgião há mais de 25 anos, o Dr. Eben viu sua vida virar do avesso quando passou por uma experiência que ele mesmo considerava impossível.

Vítima de uma meningite bacteriana grave, ficou em coma por sete dias. Enquanto os médicos tentavam controlar a doença, algo extraordinário aconteceu. Eben embarcou numa jornada por um mundo completamente estranho. Sem consciência da própria identidade, foi mergulhando cada vez mais fundo nessa realidade difusa, onde conheceu seres celestiais e fez descobertas transformadoras sobre a existência da vida após a morte e a profunda relação que todos nós temos com Deus.

Quando os médicos já pensavam em suspender seu tratamento, o inesperado aconteceu: seus olhos se abriram. Ele estava de volta. Mas nunca mais seria o mesmo. Aquela experiência o levou a questionar tudo em que acreditava até então. Afinal, como neurocirurgião, ele sabia que o que vivenciou não poderia ter sido uma mera fantasia produzida por seu cérebro, que estava praticamente destruído.

 

16 - CronicasCrônicas pra ler na escola
Autora: Heloisa Seixas
Editora: Objetiva
ISBN 978-85-390-0495-9

Durante anos, Heloisa Seixas se viu diante do desafio de escrever crônicas e contos breves para os jornais, o equivalente a apenas vinte ou trinta linhas na tela do computador. Seus “contos mínimos” nasceram dessa incansável busca de só dizer o essencial. Um dito popular aconselha: “menos é mais”… e Heloisa, de aprendiz, virou mestra nessa arte. Ela não precisa de muitas páginas para emocionar.

17 - Uma longa jornadaUma longa jornada

Autor: Nicholas Sparks
Editora: Arqueiro
ISBN 978-85-8041-195-9

Aos 91 anos, Ira Levinson sofre um terrível acidente de carro. Enquanto luta para se manter consciente, a imagem de Ruth, sua amada esposa que morreu há nove anos, surge diante dele. Mesmo sabendo que é impossível que ela esteja ali, Ira se agarra a isso e relembra diversos momentos de sua longa vida em comum: o dia em que se conheceram, o casamento, o amor dela pela arte, os dias sombrios da Segunda Guerra Mundial.

Perto dali, Sophia Danko acompanha a melhor amiga a um rodeio. Lá, é assediada pelo ex-namorado e acaba sendo salva por Luke Collins. Ele e Sophia começam a conversar e logo percebem como é fácil estarem juntos. Aos poucos, Sophia começa a descobrir um novo mundo e percebe que Luke talvez tenha o poder de reescrever o futuro que ela havia planejado. Isso se o terrível segredo que ele guarda não puser tudo a perder.

Ira e Ruth. Luke e Sophia. Dois casais de gerações diferentes que o destino cuidará de unir, mostrando que, para além do desespero, da dificuldade e da morte, a força do amor sempre nos guia nesta longa jornada que é a vida.

 

18 - So o amor consegueSó o amor consegue
Pelo espírito Lucius
Autora: Zibia Gasparetto
Editora: Centro de Estudos Vida & Consciência
ISBN 978-85-722-242-1

O amor incondicional é a maior força do universo. Por mais difícil que seja uma situação, o amor sempre resolve. Essa é a maior conquista do espírito, um aliado fundamental para o progresso em todas as áreas da vida. Uns mais, outros menos, todos nós estamos desenvolvendo nossa forma de amar.

Margarida com suas marcas da orfandade; a esposa ciumenta sob a influência de um espírito do passado; a mulher traída que não soube perdoar; o marido arrependido tentando reconquistar a dignidade…Todos queriam curar dores e seguir adiante.

Só quando o amor brotou em suas almas, rompeu as barreiras do convencional e assumiu sua força, foi que tudo começou a mudar e, por fim,cada um encontrou o próprio caminho. Essa vitória, Só o amor consegue.

 

19 - Oceano no fim do caminhoO oceano no fim do caminho
Autor: Neil Gaiman
Editora: Intrínseca
ISBN 978-85-8057-368-8

Sussex, Inglaterra. Um homem de meia-idade volta a casa onde passou a infância para um funeral. A construção não é mais a mesma, e ele é atraído para a fazenda no fim da estrada, onde, aos sete anos, conheceu uma garota extraordinária, Lettie Hempstock, que morava com a mãe e a avó. Ele não pensava em Lettie há décadas, mas mesmo assim, ao se sentar à beira do lago (o mesmo a que ela se referia como um oceano) nos fundos da velha casa de fazenda, o passado esquecido volta de repente.

Quarenta anos antes, um homem cometeu suicídio dentro de um carro roubado no fim da estrada que dava na fazenda. Sua morte a escuridão foi despertada, algo estranho e incompreensível para uma criança. E Lettie – com sua magia, amizade e a sabedoria digna de alguém com muito mais de onze anos – prometeu protegê-lo, não importava o que acontecesse.

 

20 - EspetaculoA civilização do espetáculo.
Uma radiografia do nosso tempo e da nossa cultura
Editora: Mario Vargas Llosa
Editora: Objetiva
ISBN 978-85-390-0494-2

A banalização das artes e da literatura, o triunfo do jornalismo sensacionalista e a frivolidade da política são sintomas de um mal maior que afeta a sociedade contemporânea: a ideia temerária de converter em bem supremo a nossa natural propensão para nos divertirmos.

No passado, a cultura foi uma espécie de consciência que impedia o virar as costas à realidade. Agora, atua como mecanismo de distração e entretenimento. A figura do intelectual, que estruturou todo o século XX, desapareceu do debate público. Ainda que alguns assinem manifestos e participem em polémicas, o certo é que a sua repercussão na sociedade é mínima.  Conscientes desta situação, muitos optaram pelo silêncio.

A Civilização do Espetáculo é uma duríssima radiografia do nosso tempo e da nossa cultura, pelo olhar inconformista de Mario Vargas Llosa.

 

21 - O silencio das montanhasO silêncio das montanhas
Autora: Khaled Hosseini
Editora: Globo
ISBN 978-85-250-5408-1

O silêncio das montanhas conta a história de dois irmãos, Pari e Abdullah. Separados na infância, eles passam a vida sentindo a ausência um do outro. Uma trama de amor, atração, solidariedade, egoísmo, relações familiares e sobre como as escolhas de cada um influenciam gerações. Nesta jornada, como o autor diz através de um de seus personagens, “o tempo é como um encantamento. A gente nunca tem o quanto imagina”.

 

22 - Culpa das estrelasA culpa é das estrelas
Autor: John Green
Editora: Intrínseca
ISBN 978-8057-226-1

Hazel é uma paciente terminal. Ainda que, por um milagre da medicina, seu tumor tenha encolhido bastante – o que lhe dá a promessa de viver mais alguns anos -, o último capítulo de sua história foi escrito no momento do diagnóstico. Mas em todo bom enredo há uma reviravolta, e a de Hazel se chama Augustus Waters, um garoto bonito que certo dia aparece no Grupo de Apoio a Crianças com Câncer. Juntos, os dois vão preencher o pequeno infinito das páginas em branco de suas vidas.

 


21 - 1984 v 11Q84

Livro 1. Abril – junho
Autor: Haruki Murakami
Editora: Objetiva
ISBN 978-85-7962-180-2

1Q84 narra duas histórias que aos poucos se cruzam – de Aomame, uma jovem que oculta sua fatal profissão, e Tengo, um rapaz que pretende ser escritor, mas se envolve num jogo perigoso ao reescrever uma romance enigmático.
22 - 1984 v 21Q84
Livro 2. Julho – setembro
Autor: Haruki Murakami
Editora: Objetiva
ISBN 978-85-7962-205-2

1Q84 é um mundo real, mas as coisas não são exatamente como antes. Para começar, duas luas agora pairam no céu: uma grande, cinzenta, e outra menor, irregular, de tom levemente esverdeado. E há também o chamado Povo Pequenino, cujas intenções permanecem ocultas. Nesse mundo, paralelo a 1Q84, o destino de duas pessoas, Tengo e Aomame, está intimamente ligado. Cada um, à sua maneira, está fazendo algo perigoso, que pode colocar sua vida – e a de outras pessoas – em risco. E aparentemente, não há como fugir desta realidade nem é possível que ambos sejam salvos; apenas um será o escolhido.

 

201 - Outros ceusOutros céus
Deixando de lado a rotina em busca de diversidade, beleza e liberdade
Autor: Ricardo D’Addio
Editora: De Boa Prosa : Livros de Safra
ISBN 978-85-64684-41-6

Este não é um livro de Geografia ou de História, embora todas as histórias aqui narradas estejam identificadas com um mapa que mostra a localização e alguma característica do lugar. Ler Outros céus é descobrir curiosidades e fatos inesperados, sem preocupação com a frequência de datas, apenas curtindo o texto ás vezes bem-humorado, às vezes ácido de Ricardo d’Addio, deixando-se levar por um olhar de alguém em que optou por explorar locais menos óbvios, enfrentar o desconhecido e o inesperado sem um planejamento maior, utilizando-se muito de jogo de cintura, de improviso e da solução de bate-pronto.

 

202 - Guia politicamente incorretoGuia politicamente incorreto da história do mundo
Autor: Leandro Narloch
Editora: Leya
ISBN 978-85-8044-840-5

O Guia politicamente incorreto da história do mundo é um guia contra a doutrinação que muitos brasileiros sofrem na escola. Não tem a pretensão de contar toda a história do mundo: seu alvo são os principais mitos sobre os últimos 2 mil anos que, apesar de terem sido derrubados há muito tempo por historiadores, prevalecem nos livros didáticos, nas provas do Enem, nas conversas de bar. Cintos de castidade na Idade Média? Eles nunca existiram pelo contrário, manuais de medicina da época diziam que o prazer sexual era essencial à saúde das mulheres. Milhares de crianças foram exploradas nas fábricas inglesas do século 19? Está certo, mas é bom lembrar que a Revolução Industrial, pela primeira vez, tornou o trabalho infantil desnecessário. E lembra aquela história de que as guerras e a miséria da África são consequência das fronteiras artificiais criadas pelos europeus? Há quase 30 anos historiadores e economistas africanos deixaram de acreditar nela. Abaixo da superfície, a história não é tão simples quanto aquele professor militante costumava nos ensinar.

 

Sesid01Saber em ação 2012
Aprendizes do século XXI: autonomia e autoria no processo de ensino e de aprendizagem
Editora: Serviço Social da Indústria – SESI
ISBN 978-85-65025-83-6

O Saber em ação é realizado pelo SESI-SP como parte do programa de formação continuada de educadores de sua rede escolar. A formação contínua dos educadores se constitui em ação estratégica para consolidar as diretrizes educacionais e ofertar um ensino de qualidade, em sintonia com o contexto atual. O encontro reúne cerca de 7 mil colaboradores do SESI-SP e acontece simultaneamente por meio de videoconferência, criando uma rede, no sentido amplo, em prol da capacitação e da troca de experiência, como as relatadas neste livro.


204 - EducarEduc@ar : a (r)evolução digital na educação
Autora: Martha Gabriel
Editora: Saraiva
ISBN 978-85-02-20487-4

A evolução das tecnologias digitais de informação e comunicação tem transformado profundamente a sociedade em todas as suas dimensões, inclusive a educação. Considerando isso, este livro apresenta e discute dois importantes aspectos que afetam profundamente a educação tradicional. O primeiro aspecto abordado são as mudanças causadas pela disseminação e penetração das plataformas e tecnologias digitais na sociedade, o segundo são os impactos dessas mudanças na educação e as possibilidades que as plataformas e tecnologias digitais apresentam. Esse novo panorama repleto de possibilidades, conexões e ampliação do potencial humano, traz também profundas transformações e, consequentemente, novos desafios. O professor exerce um papel essencial nesse novo mundo digital, não mais como um “provedor de conteúdos”, mas funcionando como um catalisador de reflexões e conexões para seus alunos nesse ambiente mais complexo, que também é mais rico e poderoso.

 

205 - Graduat schoolsGraduate Schools, Universities, Professional Training Colleges and Japanese
Language Schools in Japan Guide: 20121-2013
Editora: Metropolitan Tokyo Professional Institution Association. Association for the Promotion of Japanese Language Education

Observing global nations where educational systems are well organized, there seem to be two main common trends in higher education. One is so-called liberal arts with a focus on general education, and the other is professional education with focus on specialized training. Japan has typically promoted a liberal arts education, but in recent years, greater attention has been given to professional education, wich aims to train specialists in their field. Policies to promote such education have also been promoted by the govemment.

The Association for the Promotion o Japanese Language Education was established in 1989 in order to improve qualities of institutions for japanese language education so that international students can study Japanese comfortably in Japan. Its administration is officially acknowledged, instructed and supported by the Ministry of Education, Cultures, Sports, Science and Technology (hereinafter referred as MEXT), the Ministry of Justice, and the Ministry of Foreign Affairs.

We hope that those who wish to study Japanese will be able to stay in Japan comfortably by using this guidebook.